“De ordem superior, ficam proibidas notícias sobre...”
2016
Luiz Artur Ferraretto

Há os saudosos da ditadura e existem os que identificam em qualquer discordância censura e repressão. Tais exageros são inerentes a um país sem tradição democrática como o Brasil, sempre sujeito a alterações institucionais baseadas em conchavos e outras artimanhas a marcar a politicagem independentemente de posições ideológicas. Em 1977, quando engatinhava a abertura e ainda se vivia em um regime ditatorial, o então Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Porto Alegre fez um interessante levantamento sobre a censura no rádio daqueles tempos. Alguns registros chamam muito a atenção. Destaco a determinação de 5 de junho de 1973 proibindo dizer que existia censura. Há outras que podem ser consultadas na reprodução abaixo.

Levantamento de fatos censurados (1973-1977)
Fonte: AS EMISSORAS sob controle, com medo das concessões. Cadernos de Jornalismo. Porto Alegre: Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Porto Alegre, ano 1, n. 1, p. 10-6, 1977.


Nenhum comentário:

Postar um comentário