Gaúcha Repórter, de José Antônio Daudt a Lasier Martins
2015

Luiz Artur Ferraretto
José Antônio Daudt (1987)
Fonte: Zero Hora, Porto Alegre, 6 jun. 1988. p. 53.

Lasier Martins (anos 1970)
Fonte: RÁDIO GUAÍBA AM/ TV2 GUAÍBA. 1969-1979 – 10º aniversário do Estádio Beira-Rio, Porto Alegre, 1979. Encarte do LP.


Um marco na definição do segmento de radiojornalismo no Rio Grande do Sul, o Gaúcha Repórter estreou em outubro de 1983, ocupando parte do turno da tarde e tendo José Antônio Daudt como apresentador. Gradativamente, consolida a sua pretensão de ser um programa que vai até a notícia. Fiel à sua denominação e a este objetivo, o programa saiu várias vezes do estúdio, ora descrevendo o cotidiano – por exemplo, o do Juizado de Pequenas Causas de Porto Alegre, então uma novidade e tema de um dos primeiros programas –, ora acompanhando um fato importante direto do seu palco de ação – para citar um destes locais, o Congresso Nacional, em Brasília, de onde é irradiado no dia 14 de janeiro de 1985, véspera da reunião do Colégio Eleitoral que vai escolher Tancredo Neves como presidente da República. Conforme Claiton Selistre, na época gerente de Jornalismo da Gaúcha, no Gaúcha Repórter, a música começa a ceder lugar à informação dentro da emissora:

De início, o Gaúcha Repórter tinha a pretensão de cobrir o espaço das duas às cinco da tarde, mas sem entrevistas ao longo de todo o tempo. A ideia era rodar música. Eu me lembro muito bem disto, que o Daudt não gostava de ouvir a música no programa. Quando ele saía no intervalo comercial, ele dava uma saidinha, passava na minha sala e dizia: “Chefe, não dá para ouvir música neste programa. Vou esticar a próxima entrevista”. E aí (...), ao invés de fazer três, quatro minutos, o Daudt ia a 10, 12 minutos... De modo, que ao fim, ao longo de um tempo, no programa, não existia mais música.
De início, o Gaúcha Repórter vai ao ar de segunda a sexta-feira das 14 às 17h. José Antônio Daudt, eleito deputado estadual pelo PMDB em 1986, é substituído por Lasier Martins no ano seguinte. Entre vários comentaristas que passam pelo programa ao longo do tempo, destaca-se Melchíades Stricher, de voz arrastada e forte dose de sarcasmo ao analisar, em especial, o cotidiano político, deixando para o final do seu espaço a boazinha, uma anedota quase a lembrar o rádio de outros tempos. Às 16h, inclui uma mesa-redonda de uma hora de duração sobre o assunto do dia, sempre com ponto e contraponto. Esta parte final vai originar, no mesmo espaço da programação, o Gaúcha Debate, com Cândido Norberto Santos, posteriormente transformado em Gaúcha Entrevista, sob o comando de Ruy Carlos Ostermann e se voltando mais às questões da cultura.
Um dos principais comentaristas esportivos do rádio do Sul do país, o novo âncora do programa vai, gradativamente, tornar-se, nas décadas seguintes, uma espécie de marca das tardes do radiojornalismo no estado. De fato, Lasier deixa as jornadas esportivas da Gaúcha para se dedicar com afinco crescente ao programa e a alguns outros espaços na rádio e em outros veículos do Grupo RBS. É ele, por exemplo, um dos que o conglomerado da família Sirotsky desloca para o Oriente Médio, quando o Iraque ataca, em agosto de 1990, o Kuait, anexando este emirado islâmico como uma de suas províncias.
Já um profissional conhecido nos anos 1970 e 1980, quando se destaca na grande equipe de esportes da Rádio Guaíba, Lasier Martins projeta-se ainda mais ao se transferir para o grupo da família Sirotsky. Além de apresentar, de segunda a sexta-feira, o Gaúcha Repórter, participa diariamente do Jornal do Almoço, programa de variedades do meio-dia da RBS TV. É a base para que, já afastado destas atividades, seja eleito senador pelo Partido Democrático Trabalhista em 2014.




Cleiton Selistre, gerente de Jornalismo da Rádio Gaúcha em outubro de 1983
Fonte: RÁDIO GAÚCHA. Gaúcha Repórter, Porto Alegre, 15 out. 2003. Programa de rádio.


Rita Campos Daudt, primeira produtora do Gaúcha Repórter em outubro de 1983
Fonte: RÁDIO GAÚCHA. Gaúcha Repórter, Porto Alegre, 16 out. 2003. Programa de rádio.


Lasier Martins relembra momentos do programa com os operadores de áudio Glademir Menezes e Clei Correa
Fonte: RÁDIO GAÚCHA. Gaúcha Repórter, Porto Alegre, 21 out. 2003. Programa de rádio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário